sábado, 12 de abril de 2014

Nasci assim... TEIMOSA!


Nasci assim: TEIMOSA!

Quando eu quero... eu quero! E nada e nem ninguém me faz desistir. Arregaço as mangas e vou a luta. Visto meu melhor sorriso, levanto a cabeça, fixo meu objetivo e vou caminhando, as vezes caio, me machuco, sofro desilusões e decepções, mas eu não desisto. As pedras que encontro pelo caminho uso de alicerce para alcançar a minha vitória e as cicatrizes serão o meu troféu. (Priscilla Rodighiero)