quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Mensagem de Deus pra você.

Conta uma lenda que certo homem todos os dias pela manhã martelava uma imensa rocha que tinha em frente a sua casa. Os vizinhos o observam perplexos e se perguntavam: como ele fará para quebrar aquela rocha dando pequenas marteladas? Mas o homem não desistiu, não deu ouvidos ao que os outros pensavam ou falavam, não se deixou levar pelas palavras de desanimo e desencorajamento e muitas vezes foi motivo de piadas entre seus amigos, que diziam: você jamais vai conseguir. Mas ele insistiu, e ainda que não pudesse ver com seus olhos a rocha se quebrando, ele acreditava que pela sua fé um dia ela quebraria e assim foi. Um dia pela manhã, com apenas uma única martelada a pedra se quebrou inteira - esmiuçou-se! Ninguém podia acreditar...

Eu te pergunto: foi por uma única martelada que a pedra se quebrou? Não amigos, mas pela soma de vezes que ele bateu o martelo sobre a rocha e assim é a nossa oração. Quando estamos diante do impossível e somente um milagre pode resolver nossa vida, temos que clamar, buscar, dobrar os joelhos, e acreditem o único caminho é joelhos no chão, e não vai ser um dia, mas a soma de vários e vários dias a fio, vai ser a sua fé que move montanhas e a sua paciência que te levaram ao objetivo. Os seus olhos não verão o poder transformador de Deus, mas a tua fé alimentará a sua paciência e a tua esperança e você aos poucos vai ver o impossível se tornar possível e testemunhará que serve a um DEUS de milagres.

Portanto, se você esta diante de uma causa impossível, não desista, ore, persevere, busque a Deus, a palavra diz que todo aquele que o buscar de todo o coração ali Ele estará. Nenhuma luta dura para sempre, e depois de toda tempestade o sol volta a brilhar. Pense nisso, fale com Deus, se não tiver palavras, fique em silêncio diante dele, pois Ele entende até mesmo nosso silêncio e nossas lágrimas são palavras jorradas do coração.

Obs. Texto escrito por mim Priscilla Rodighiero, desconheço a fonte da pequena lenda do homem que quebrou a pedra. Certa vez, ouvi uma pregação da Ana Paula Valardão, e ela usou essa historia para ilustrar a importância da oração.